sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

ALIMENTOS E SIGNIFICADOS

Assim como vestir roupa branca, é tradicional em toda virada de ano o consumo de certos alimentos. Alguns trazem sorte, fortuna, fartura e até mesmo fertilidade. Cuidado também com os alimentos que 'ciscam para trás' (frango, peru e faisão)! Verdade ou superstição, o que vale é acreditar e fazer escolhas saudáveis.
.
Então confira, faça a sua escolha e tenha um
FELIZ ANO NOVO!

.
Lentilha: Em várias regiões do mundo é esse o alimento que traz fortuna. Como as ervilhas, as lentilhas também evocam morte e renascimento, do grão enterrado na terra renascem múltiplos grãos.
.
Uva: Alimento nº 1 da ceia de ano-novo. Come-se 3 dando as costas para a lua, 12 dando pulinhos ou sobre um banquinho, 11 guardando as sementes, não importa! O importante é não faltar uva na ceia de reveillon, fruta que traz boa sorte para o ano inteiro!
.
Peixe: Além de ser saudável e muito mais leve, o peixe na ceia de ano novo está vinculado à boa sorte e fecundidade. Quando se fala em peixe automaticamente se faz associação com a água, símbolo da vida, do nascimento. Em chinês, U, peixe, foneticamente tem o mesmo som da palavra "abundância", fazendo-se a analogia. Aqui no Brasil tropical, nada mais perfeito para a ceia de reveillon do que um bom peixe assado em folha de bananeira!
.
Carne de porco: É muito apreciada na ceia de reveillon, afinal o porco é um animal que fuça para a frente, sendo um bom estímulo para o novo ano. Já o frango, peru ou faisão acredita-se não ser uma boa pedida para a passagem do ano: todos os três ciscam para trás...
.
Romã: Com sua enorme quantidade de sementes é símbolo de fartura e fertilidade. Os judeus, no Rosh Hashaná pedem a multiplicação das bênçãos divinas ao comer a romã. As sementes vão para debaixo do travesseiro para atrair "dinheirinha". Já no cristianismo, as sementes simbolizam esperança.
.
Fonte: Temperus Gastronômico
Veja mais...
Gordura do porco se concentra na pele
Frutas para o fim de ano
Faça um churrasco light
.

Partilhar

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

COMER DIANTE DO COMPUTADOR AUMENTA O APETITE

Aquele lanchinho despretensioso em frente ao computador pode fazer muito mais mal à manutenção do peso do que o imaginado. Cientistas da Universidade de Bristol, na Grã-Bretanha, descobriram que comer diante do PC deixa as pessoas muito mais propensas a "beliscar" durante o dia.
.
No estudo, voluntários receberam refeições de duas maneiras diferentes. O primeiro grupo jogava Paciência no computador enquanto comia; o segundo não tinha um computador à disposição.
.
Ao final do teste, os participantes do primeiro grupo estavam muito menos saciados do que os do segundo. Eles tiveram inclusive dificuldades em lembrar o que tinham comido. Meia hora depois, voltaram a comer - lanches, desta vez - em volume duas vezes superior aos demais.
.
A conclusão dos pesquisadores é que a atenção e a memória influenciam nosso apetite e que, portanto, fazer refeições distraidamente pode levar ao ganho de peso e à obesidade. "Esse trabalho indica que a cognição, a memória e a atenção, em particular, desempenham um papel importante no governo do apetite e tamanho das refeições de seres humanos", disse Jeff Brunstrom, líder do estudo. O computador não está sozinho. Estudos anteriores já haviam comprovado que a TV também exerce efeitos similares sobre o apetite.
.
Fonte:
Revista Veja
Veja mais:

Falta de apetite das crianças: o que fazer?
Refeições longe da telinha
Comer devagar pode ajudar no controle do peso

.
Partilhar

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

ANVISA SUSPENDE MEDICAMENTOS USADOS PARA EMAGRECER

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu a importação e venda de produtos da marca Divine Shen no país e o uso da Caralluma Fimbriata. Segundo a publicação oficial, o Divine Shen é registrado regularmente na Anvisa como alimento, mas pode ter sido misturado ao medicamento de uso controlado sibutramina. A presença dessa substância foi constatada em análise realizada pelo Instituto de Criminalística de São Paulo, a pedido do Ministério Público Estadual.
.
A agência diz que a sibutramina age no sistema nervoso central e é capaz de reduzir a sensação de fome. Mas pesquisadores já anunciaram que o consumo dessa substância por pacientes com histórico de doença cardiovascular pode ter aumentado o risco de doença coronariana, derrame, taquicardia e hipertensão. Os produtos da Divine Shen são importados da China. A suposta mistura com a sibutramina foi identificada em uma embalagem que deveria ter cápsulas com fibras de laranja amarga.
.
Sobre a outra suspensão determinada no "Diário Oficial", a Anvisa diz que "nenhum produto que contenha em sua composição a Caralluma Fimbriata encontra-se regularizado no país, tendo em vista que não há qualquer comprovação em relação à sua segurança e eficácia".
.
Estão suspensas a fabricação, a distribuição, a manipulação, o comércio e o uso desse produto. A agência não analisou essa substância recomenda o abandono do consumo. Em maio deste ano, a Anvisa já havia proibido propaganda de produtos anunciados como naturais que aceleravam a perda de peso, como a Caralluma Fimbriata. Equipes das Vigilâncias Sanitárias dos estados e dos municípios devem retirar os produtos de prateleiras de estabelecimentos comerciais e farmácias. As embalagens devem ser lacradas até que o processo administrativo sobre a presença dessa substância seja finalizado.
.
No domingo (19), o "Fantástico" mostrou que produtos são vendidos para quem quer emagrecer mesmo sem receita médica. Na reportagem, foram encontrados os produtos Divine Shen e Caralluma Fimbriasta. “Nenhum suplemento, nenhum remédio vendido como natural serve pra acelerar um emagrecimento. Ainda não foi inventado nenhum que realmente funcione”, disse Marcio Mancini, da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia.
.
Fonte:
Globo
Veja mais...

Remédios para emagrecer
Anvisa decide dose máxima de sibutramina que médico pode prescrever
Sibutramina

Caralluma Fimbriata, emagrece?

.

Partilhar

domingo, 26 de dezembro de 2010

É PARA COMER ATÉ A EMBALAGEM!

Foto: Metades de duas peras de mesma idade. A da esquerda passou dez dias fora da geladeira. A outra foi coberta com uma solução protéica.
.
Alimentos pré-lavados, fatiados e embalados são práticos, mas costumam trazer dois inconvenientes no pacote: mais plástico no lixo e um prazo de validade menor. Logo, geram desperdício. E se fosse possível encontrar frutas e hortaliças atraentes para o consumo por mais tempo, sem alteração em suas qualidades nutricionais e sem embalagens poluentes? É o que algumas empresas estrangeiras e vários laboratórios de pesquisa no Brasil estão providenciando.
.
Nos Estados Unidos, já é possível comprar maçãs em pedaços que não ficam marrons por 20 dias. O segredo é uma cobertura invisível, sem gosto e sem cheiro, que retarda o processo de maturação e mantém as características da fruta, inclusive o sabor e o teor de vitaminas. Trata-se, segundo a fabricante Nature Seal, de uma mistura de vitaminas e sais minerais que, aplicada à superfície das frutas e hortaliças, inibe a oxidação das enzimas e mantém intacta a estrutura das células – sem fazer mal à saúde.
.
No Brasil, há pesquisas com coberturas comestíveis para frutas dentro da Embrapa. O pesquisador Odílio Assis, da Embrapa de São Carlos, São Paulo, conseguiu que peras com casca mergulhadas num líquido à base de zeína, uma proteína do milho, parecessem recém-colhidas por mais de dez dias, sem refrigeração. Goiabas também duraram mais quando cobertas com uma solução feita com a goma do cajueiro. Segundo Assis, nenhuma cobertura desenvolvida até agora funciona para qualquer alimento.
.
Gomas, amidos e polpas de frutas também têm sido usados para produzir plásticos comestíveis em laboratório. Numa pesquisa ainda inicial na Embrapa, conduzida pela pós-doutoranda Marcia Regina Aouada, obteve-se um filme resistente e nutritivo misturando-se polpa de goiaba vermelha com nanopartículas de quitosana, uma substância extraída da casca de crustáceos. O filme preserva a vitamina C da goiaba.
.
Nos Estados Unidos, esse tipo de filme já é usado no lugar da folha de alga para enrolar sushis e adornar alimentos. Especula-se que daqui a alguns anos será possível produzir embalagens primárias com aromas e sabores e aproveitá-las na preparação de alimentos. Mas, por enquanto, não há perspectivas de que essa tecnologia chegue ao mercado devido ao alto custo de produção das coberturas em larga escala. O desperdício de alimentos, que no Brasil gira em torno de 30% a 40%, ainda é economicamente mais vantajoso que o investimento em durabilidade.
.
Veja mais sobre o assunto na Revista Época
Veja também:

Café em sachê e café em cápsula
Cientistas desenvolvem maçãs que não ficam escuras após serem cortadas
Que desperdício!
.
Partilhar

sábado, 25 de dezembro de 2010

SEM DESPERDÍCIO NAS CEIAS DE FIM DE ANO

Você sabia que, todos os dias, uma família de quatro pessoas joga 350g de comida fora, no lixo? Nas festas de fim de ano a quantidade descartada pode aumentar – quem já não ouviu essa frase “O que a gente vai fazer com tanta comida?”. Planejamento é o segredo para evitar desperdícios!
.
VEJA ALGUMAS DICAS QUE PODEM AJUDAR
.
º Faça um prato que a sua família comeria por completo em uma única refeição, nada de dobrar a quantidade (e geralmente é assim que acontece, não?);

º Eleja um prato principal, não há necessidade de fazer peru, tender e bacalhau, essa fartura é sobra na certa. Um peru de 2kg é suficiente para servir 8 pessoas;

º Se for usar verduras com talo, separe-os para uma outra receita, como preparo de uma torta ou sopa;

º Fique de olho na sobremesa também: uma torta serve oito pessoas, então combine que você vai levar um doce no jantar e uma outra família, no almoço;

º O que sobrou da ceia deve ser logo guardado na geladeira para evitar que estrague. A comida pode ficar guardada lá por dois dias, na primeira prateleira de cima (que refrigera melhor), ou então usar o que restou em um segundo preparo;

º O tradicional peru, por exemplo, pode dar origem a uma torta (ver receita abaixo) e ser usado em recheio de tortas, panquecas ou ainda para fazer um arroz de forno ou canja. O tender pode ser usado no preparo de pastinhas ou patês, e o bacalhau pode ser desfiado e usado em receita de arroz com brócolis e bacalhau.
.
CONFIRA A RECEITA DE TORTA DE LIQUIDIFICADOR
.
Ingredientes da massa:
- 1/2 xícara (chá) de óleo
- 1 ovo
- 6 colheres (sopa) bem cheias de farinha de trigo
- 1 pitada de orégano
- 1 colher (sobremesa) de fermento em pó
- 1 xícara (chá) de leite
- sal
.
Ingredientes do recheio:
- o que sobrou do peru
- 1 lata de milho
- 10 azeitonas
- 1 tomate picado (sem sementes)
- 1 colher (sopa) de azeite
- ½ cebola
- sal
.
Modo de Preparo:
É o mais fácil de todos. Coloque todos os ingredientes da massa no liquidificador e bata. Em uma vasilha, junte os ingredientes do recheio e misture bem. Pré-aqueça o forno a 180ºC. Unte uma forma média e despeje metade da massa, ponha o recheio e cubra com o restante da massa. Deixe no forno por cerca de 40 minutos ou até dourar.
.
Fonte: Revista Crescer
Veja mais:
Panetones estão com menos gordura trans
Compulsão alimentar
Que desperdício!

.Partilhar

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

BOAS FESTAS!!!

.Partilhar

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

OS SUPERPODERES DO AMARANTO

O amaranto está ganhando fama de superalimento! A planta, da região andina, pode ser aproveitada desde as folhas até os grãos e é cheia de proteínas. Segundo dados da Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp, o amaranto tem valor nutricional equivalente ao do leite, da carne e dos ovos.
.
Seus grãos têm grande proporção de proteínas (15%), gorduras e minerais, além de aminoácidos essenciais para o desenvolvimento humano, como a lisina. Pesquisadores também têm relacionado o consumo do amaranto à redução do colesterol ruim no sangue.
.
Flores, folhas, talos e grãos podem ser consumidos em saladas e sopas. O amaranto também serve de ingrediente em pães, bolos e biscoitos, substituindo um terço das farinhas da receita original. Para fazer a farinha em casa, é só moer os grãos no liquidificador.
.
O grupo de pesquisas da nutricionista Lilian Vaz, da Faculdade de Saúde Pública da USP, tem tido ótimos resultados com esse tipo de substituição. Os produtos são bem aceitos e ficam com melhores teores de fibras, cálcio, ferro e nutrientes. Também dá para fazer pipoca de amaranto. Basta jogar uma colher de chá de grãos na frigideira pré-aquecida. Depois de 30 segundos, começam os estouros.
.
Veja receitas no site da
Uol
Veja mais...

Os benefícios do amaranto
Os benefícios da farinha de feijão branco

O poder de cura do gengibre

.
Partilhar

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

1º LUGAR NO TOP BLOG!

CONSEGUIMOS!!!
O Alimentarium foi classificado em PRIMEIRO lugar na categoria saúde profissional escolhido pelo Júri acadêmico. Agradeço especialmente às pessoas que me incentivaram a investir e tornar o Alimentarium o que ele é hoje! Muito obrigada!!!
.
Confira as Fotos do Evento.
Confira os Vencedores da Edição 2010.

.Partilhar

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

FRUTAS PARA O FIM DE ANO

Com a aproximação das festas de fim de ano, a preocupação com as ceias começam a tomar conta das pessoas, e muitas ainda possuem dúvidas sobre qual fruta comprar e onde é melhor utilizá-las. Pensando nisso, separamos uma lista de frutas mais consumidas nessas épocas e suas combinações, veja abaixo:
.
Amêndoas: Com pele, é ótima para ser consumida ao natural ou levemente salgada e torrada. Sem pele, é utilizada no preparo de receitas culinárias doces e salgadas.

Avelã: Seu sabor doce e delicado combina bem com sobremesas de chocolate. Pode ser usada também em saladas. Para tirar a pele coloque para cada xícara de avelã coloque 1 xícara de água fervente e 1 1/2 colher (sopa) de fermento em pó. Ferva por 3 minutos, escorra e deixe secar no forno até torrar ligeiramente.

Castanha de Caju: Só pode ser consumida torrada. É aproveitada inteira picada ou em forma de farinha, em doces e salgados. Muito utilizada na culinária afro-baiana.

Castanha do Pará: A castanha do Pará, nativa da região Norte do Brasil, é um ingrediente importante de bolos e tortas. Para tornar mais fácil abril as cascas das castanhas, leve ao freezer por 6 horas ou asse por 15 minutos à 200º.

Castanha Portuguesa: Antes de assar ou cozinhar as castanhas, faça um corte na lateral da casca de cada uma com uma faca afiada, para evitar que explodam. Na hora de comprar as castanhas, escolha as firmes e brilhantes. As castanhas cozidas podem ser guardadas (com a casca) por 20 dias na geladeira ou por até 4 meses no freezer.

Macadâmia: A casca marrom protege uma noz de formato arredondado, cor de pérola. Para chegar até ela, porém, ainda é preciso romper uma segunda camada. Esta, mais rígida que a primeira atua na manutenção do bom colesterol.

Nozes: As européias possuem sabor mais acentuado. Entram na preparação de doces e salgados.

Noz Pecan: Cultivadas nos Estados Unidos e Brasil, depois de congeladas, soltam a casca com mais facilidade. Outra maneira é ferver por 15 minutos, escorrer, esfriar e depois quebrar com quebrador de nozes ao comprido. Para calcular o peso, saiba que 1/2 kg de Pecan com casca rende 1/4 de kg. Entram na preparação de doces e salgados.

Pistache: Deve ser guardada em potes hermeticamente fechados para não amolecer. É muito consumido como aperitivo salgado, mas sem sal, fica delicioso em doces. Usada com freqüência na culinária árabe.

Abacaxi, Banana, Mamão e Pêra: Picados e misturados com fibras, entram na preparação de granola ou de doces.

Ameixa seca: A ameixa seca pode ser consumida fresca, seca ou na preparação de geléias e outros tipos de doces. A seca é muito utilizada no preparo de caldas, sorvetes, bolos, tortas, refrescos e licores. Por conter boas quantidades de niacina, é ótima para manter a saúde da pele, nervos e aparelho digestivo. Contém fibras que auxiliam no funcionamento intestinal.

Cereja: Uma fruta pequena, redonda e comumente vermelha. As cerejas ácidas, de polpa bem mais firme, que é usada na fabricação de conservas com o marasquino. Decoram lindamente receitas doces e salgadas.

Damasco: Turco, americano ou espanhol. O primeiro é doce e tem a polpa mais carnuda. O americano ou espanhol, ligeiramente ácido e seco, deve ficar de molho em água, antes de ser aproveitado em receitas, para se tornar mais macio. Utilizados em bolos, pães, recheios e compotas.

Figo: Uma delicia , é servido de muitas maneiras. Recheado com nozes é incrível. O figo seco é ótimo alimento para as pessoas que gastam muita energia em exercícios musculares.

Frutas Cristalizadas: Uma mistura de cidra, mamão, laranja, usada na culinária todo o ano e abundantemente no natal, as frutas cristalizadas tem uma pequena camada de açúcar na superfície, e devem ser guardadas em vidro fechado, longe do ar e da umidade.

Maçã e Manga: Quando fervidas em água, preparam um chá aromático. São também ótimos ingredientes para tortas, bolos e pães doces.

Tâmara: As tâmaras secas fornecem energia de uma forma rápida, tem fibra alimentar e é usada na culinária até para neutralizar o sabor de um tipo para outro de queijo numa festa de queijos e vinho.

Uva Passa: Uva passa preta, com semente, consumida normalmente como petisco, não é aproveitada em receitas. Uva passa preta e branca sem sementes, ou corinto: (de menor tamanho). Podem ser usadas de acordo com a preferência. Antes de empregá-las em uma receita de bolo, por exemplo, passe-as na farinha de trigo para que não desçam pra o fundo da fôrma.
.
Fonte: Temperus Gastronômico
Veja mais...
Consumo de nozes e castanha reduz o colesterol
Pistache na prevenção de doenças cardiovasculares
Selênio para o bem da bexiga
.
Partilhar

sábado, 18 de dezembro de 2010

'SUPERFRUTAS' DA AMAZÔNIA CONQUISTAM ADEPTOS A VIDA SAUDÁVEL

A Amazônia, símbolo da natureza e da biodiversidade, é a principal fonte das chamadas "superfrutas", alimentos tropicais com alta concentração de vitaminas e antioxidantes que conquistaram uma sociedade preocupada em manter hábitos saudáveis. Com frutas como o açaí (Euterpe oleracea), o guaraná (Paullinia cupana), e o cupuaçu (Theobroma grandiflorum), a Amazônia se transformou na fonte de produtos ricos em vitamina e energia.
.
O AÇAÍ, a "superfruta" mais conhecida, que cresce em uma palmeira do solo amazônico, conquistou o mercado dos Estados Unidos há pouco mais de 10 anos quando revistas publicaram matérias sobre seus benefícios e os consumidores avaliaram positivamente suas propriedades nutricionais. Sua elevada concentração de antocianina, pigmento que dá a cor roxa ao açaí, transforma a fruta num potente antioxidante, substância que desacelera a deterioração das células do cérebro.
.
A incrível popularidade da fruta se reflete nos infinitos sites de vendas online de produtos derivados do açaí, além de centenas de estudos supostamente científicos que demonstram seus inigualáveis efeitos positivos. As empresas que comercializam produtos a base do fruto amazônico lucraram US$ 106 milhões em 2008, de acordo com dados da Spins, empresa especializada em produtos naturais. No Brasil, o açaí se transformou em um alimento rotineiro, disponível em qualquer esquina das ruas das grandes cidades como o Rio de Janeiro, e geralmente servido gelado, acompanhado de cereais e misturado ao guaraná.
.
Com propriedades estimulantes, o GUARANÁ é outra joia da floresta amazônica que conquistou o público dentro e fora do Brasil. Conhecido pelo seu alto poder calórico, o guaraná é mais consumido em refrescos e refrigerantes, embora também se venda em pó e em barras de cereais. Brasil, o terceiro exportador agrícola do mundo, superado só pelos Estados Unidos e a União Europeia, é o único país que exporta guaraná, embora sua produção ainda não satisfaça a crescente demanda internacional, segundo a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).
.
Entre as "superfrutas" da moda também está o CUPUAÇU, parente próximo do cacau. Da mesma forma que o açaí, a fruta é rica em proteínas e vitaminas, e é utilizada tanto como alimento como componente de cosméticos, tais como óleos, condicionadores e cremes hidratantes. Acostumada em abastecer a demanda local, a região começa a explorar outras fontes além das clássicas "superfrutas", em vista das vantagens econômicas das mais de 200 espécies de frutas disponíveis na floresta.
.
É o caso do estado de Rondônia, uma das regiões mais pobres do Brasil, que vê nesta tendência internacional uma oportunidade para impulsionar a produção agrícola. "As boas condições ambientais e a crescente demanda das frutas tornam a fruticultura uma atividade econômica de potencial elevado", apontou um relatório da Embrapa, que defende a criação de cooperativas. Devido à crescente popularidade dos produtos amazônicos, empresas de vários países estão de olho em outras frutas de nomes exóticos como buriti, camu-camu e pupunha, que devem conquistar os adeptos da vida saudável.
.
Fonte: Estadão
Veja mais...

Açaí mal lavado, mesmo congelado, pode transmitir chagas
Saiba mais sobre o açaí
Agrotóxicos são a 4ª causa de intoxicação

.Partilhar

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

A FORÇA DA IMAGINAÇÃO PODE AJUDAR A EMAGRECER

Quer comer uma barra de chocolate ou aquele prato de batata frita sem sair da sua dieta? Basta imaginar-se comendo tudo isso que a vontade passa. Pelo menos é isso que garante uma nova pesquisa da universidade americana Carnegie Mellon, na Pensilvânia.
.
Os estudiosos testaram em voluntários os impactos do pensamento na vida real e constataram que imaginar-se consumindo determinado alimento pode reduzir significativamente a vontade de comê-lo de verdade. Até então, acreditava-se que pensar em comida aumentava o apetite. Os resultados mostraram ainda que apenas pensar sobre o alimento ou imaginar o consumo de outra comida diferente da que lhes foi oferecida não surte nenhum efeito significativo.
.
“Os resultados sugerem que a tentativa de suprimir pensamentos sobre alimentos apetitosos com o objetivo de reduzir o desejo por ele é uma estratégia fundamentalmente falha”, enfatizou Carey Morewedge, autor do estudo. “Acreditamos que esses achados vão ajudar a desenvolver futuras intervenções para reduzir o desejo de consumir alimentos não saudáveis, drogas e cigarros. Espero que nos faça aprender a ajudar as pessoas a fazerem escolhas mais saudáveis.” A pesquisa foi publicada na revista Science.
.
Fonte:
Revista Veja
Veja mais...

Cientistas desenvolvem maçãs que não ficam escuras após serem cortadas
Café em sachê e café em cápsula

Deixe o seu feijão mais nutritivo

.
Partilhar

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

COMO EVITAR QUE O SEU LEITE SEQUE?

Você já sabe que a amamentação é importante para a saúde do bebê. Mas como garantir que o leite não seque antes do tempo? Veja as dicas da enfermeira Ana Cristina Abrão:
.
Normalmente, o leite seca porque a criança não sugou o seio direito ou porque as mamadas foram espaçadas. Certifique-se de que o bebê está sugando o peito corretamente, ou seja, com vontade, e que o intervalo entre cada amamentação seja de, no máximo, três horas. Fuja das pílulas anticoncepcionais com estrógeno e progesterona e evite preocupações. Relaxe: deixar de produzir leite é raro.
.
É reversível! Quanto mais você amamenta, mais leite produz. Portanto, aumente a frequência das mamadas se sentir que o volume do líquido está diminuindo. Outro conselho é não usar a mamadeira, pois ela dificulta a readaptação ao bico do seio. Se precisar de ajuda extra, siga a velha e boa cultura popular: beba muita água e coma alimentos derivados de milho. Apesar de não existirem estudos comprovando a eficácia desses procedimentos, observamos na prática que eles funcionam.
.
Fonte:
Revista Crescer
Veja mais...

Leite na mamadeira x obesidade infantil
Leite materno: como retirar e armazenar

Alimentação das mães e cólicas nos bebês

.
Partilhar

domingo, 12 de dezembro de 2010

CIENTISTAS DESENVOLVEM MAÇÃS QUE NÃO FICAM ESCURAS APÓS SEREM CORTADAS

Pouco tempo após ser cortada, a maçã fica marrom. Isso acontece porque, quando a fruta é partida, ela reage com o oxigênio do ar, produzindo o tom escuro. Se houver ferro por perto, geralmente na faca usada para o corte, o processo é ainda mais rápido. Apesar da má aparência, a cor escura não significa que a fruta esteja estragada.
.
Mas foi pensando em prolongar a beleza da fruta que especialistas da Okanagan Specialty Fruits, uma empresa de biotecnologia do Canadá, iniciaram pesquisas a fim de produzir uma maçã que não escureça. O resultado recebeu o nome de “Arctic”. “ Elas parecem maçãs, crescem como maçãs, podem ser vendidas como maçãs mas, quando você cortar, ela não ficará escura”, explica o presidente da companhia, Neal Carter.
.
Ainda segundo o dirigente, as frutas geneticamente modificadas, que possuem genes inibidores da produção das enzimas que causam o escurecimento, beneficiarão produtores e consumidores. “A Arctic impulsionará as vendas de maçãs”, acredita. As previsões de Carter também apontam uma queda no preço do produto. A empresa também já pediu às autoridades dos Estados Unidos o aval para colocar nas prateleiras dos supermercados do país a nova maçã, que pode ser calmamente degustada.
.
Fonte: Temperus Gastronômico
Veja mais...
Maçã para afastar a gripe
Saúde na casca: benefícios da farinha de fruta
Café em sachê e café em cápsula

.Partilhar

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

VINAGRE DE MAÇÃ PODE AJUDAR A AUMENTAR O COLESTEROL BOM

O colesterol bom (HDL) tem efeito protetor sobre a saúde cardiovascular. E, de acordo com uma pesquisa de Minnesota, nos Estados Unidos, uma ou duas colheres diárias de vinagre de maçã podem aumentar seus níveis.
.
Para chegar a essa conclusão, a equipe analisou 120 pessoas. Metade delas teve de ingerir por oito dias a iguaria e, a outra, uma solução de água e 2% de vinagre balsâmico (placebo). Segundo o jornal Daily Mail, um estudo anterior em animais com diabetes mostrou que o vinagre de maçã reduziu as taxas de colesterol ruim e melhorou as de HDL. Os cientistas acreditam que o produto acelere o processamento das gorduras.
.
Fonte: Terra
Veja mais...
Vinagre combate a gordura corporal
Vegetais mais limpos
Ovo de galinha caipira x ovo de galinha de granja

.Partilhar

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

CONTRA A PRESSÃO ALTA... ALHO!

Cientistas australianos têm uma nova solução para controlar a pressão alta. A arma secreta é o alho, segundo um estudo publicado na Revista Científica Maturitas.
.
Num teste de 12 semanas envolvendo 50 pacientes, Karen Reid e colegas da Universidade de Adelaide descobriram que o consumo de quatro cápsulas diárias de um suplemento chamado extrato de alho envelhecido reduzia a pressão arterial e, cerca de 10mmHg, em comparação a um grupi de usava um placebo. Reid disse que o alho consumido de outra forma não tem o mesmo efeito.
.
"Quando você cozinha o alho fresco, o ingrediente que é responsável por reduzir a pressão sanguínea desaparece", disse ela. "Acho que o ponto realmente importante é que o extrato de alho envelhecido como suplemento é a arma secreta para a pressão sanguínea."
.
Há muito tempo se sabe que o alho é bom para o coração, e a medicina tradicional indiana (aiurvédica) há séculos usa o produto na prevenção da hipertensão. Este, no entanto, é o primeiro estudo a avaliar cientificamente o impacto do extrato de alho envelhecido.
.
Fonte: Emex Nutrição Orientada
Veja mais...

Sardinha
Gordura do porco se concentra na pele
Tempero: esqueça os industrializados

.Partilhar

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

MIOJO É CAMPEÃO NA QUANTIDADE DE SAL

O macarrão instantâneo, o famoso miojo, é o alimento com maior quantidade de sódio encontrada dentre os produtos industrializados mais consumidos no Brasil. Em média, um pacotinho de 85 g, preparado com tempero, chega a ter 2.721 mg da substância, mais do que o recomendado para um dia inteiro – o limite diário para o consumo de sódio é de 2.400 mg por pessoa, de acordo com o Ministério da Saúde.
.
Mineral presente no sal, o sódio em excesso é apontado pelos médicos como o principal vilão da pressão alta, doença que tem relação direta com problemas como o AVC (acidente vascular cerebral) e infartos. Nos alimentos industrializados, a substância é usada para aumentar o prazo de validade. A medição foi feita num estudo divulgado nesta quinta-feira (18) pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que comparou a quantidade de sódio, açúcares e gorduras saturada e trans em diversos alimentos de várias marcas.
.
O miojo foi o alimento com a maior quantidade, seguido pelas carnes de frango empanadas (759 mg numa porção de 130 g) e pelos hambúrgueres bovino e de ave (567 mg em 80g e 525 mg em 80g, respectivamente). A pesquisa mostrou ainda que o teor encontrado nos alimentos varia muito entre as marcas. No caso do miojo, foram analisados produtos de 12 fabricantes. A quantidade de sódio numa mesma porção, de 85 g, variou de 1.778 mg a 4.010 mg. Essa última marca, não revelada, coloca uma quantidade que representa 167% do que uma pessoa poderia consumir num dia.
.
A maior variação na quantidade de sódio foi encontrada na batata palha. Em 9 marcas analisadas, a diferença chegou a 14 vezes da menor (10 mg numa porção de 25g) à maior (139mg/25g). Em seguida vem o salgadinho de milho, com variação de 12,5 (29 mg a 176,5 mg, em uma porção de 25g).
.
Entre as bebidas, foi constatado que os refrigerantes de baixa caloria apresentam mais sódio que os comuns, que têm mais açúcar. Enquanto um refrigerante de cola "zero" tem 97 mg de sódio em 1 litro, o normal tem 54 mg. Segundo Maria Cecília Brito, diretora da Anvisa que apresentou o relatório, o objetivo da agência agora é reforçar a recomendação às indústrias pela diminuição das quantidades de sódio nos alimentos, já que muitas já conseguem obter teores menores com mais tecnologia.
.
Quanto menos tecnologia, mais concentração. As maiores empresas estão todas estudando. Agora, nós não podemos matar a indústria nacional. Mas a população pode fazer sua escolha. A divulgação do estudo pela Anvisa visa também conscientizar os consumidores sobre os excessos encontrados. A ideia é motivar as pessoas a consultarem os rótulos dos produtos, onde estão informadas as quantidades dos nutrientes. O estudo completo está disponível no site da agência.
.
Fonte: Notícias R7

Veja mais...

Macarrão instantâneo faz mal à saúde

Sal e sódio causam dúvida a hipertensos

Como consumir embutidos sem prejudicar o coração

.
Partilhar

sábado, 4 de dezembro de 2010

PANETONES ESTÃO COM MENOS GORDURA TRANS

Os panetones estão livres de gordura trans em quantidade que seja prejudicial à saúde. É o que mostra um estudo divulgado pela Abia (Associação Brasileira das Indústrias de Alimentação) e pelo Ministério da Saúde. O levantamento avalia o alcance das metas de redução de gorduras estabelecidas em 2008, em acordo firmado entre a Abia e governo.
.
Foram avaliados 12 tipos de alimento: snacks, massas instantâneas, sorvetes, caldos, chocolates, sopas, panetones, óleos, pratos prontos, biscoitos, bolos e margarinas e cremes vegetais. Os fabricantes de panetones cumpriram 100% da meta, seguindo as recomendações da Organização Pan-Americana de Saúde.
.
A organização estabeleceu o limite de 5% de gordura trans do total de gorduras nos alimentos industrializados e 2% do total de gorduras em óleos e margarinas. Além da indústria de panetones, as empresas de snacks e massas instantâneas também bateram 100% da meta, enquanto as que produzem margarinas e cremes vegetais só chegaram a 66%.
.
Após apresentar o estudo de gordura trans, o setor industrial e o Ministério da Saúde começaram a definir um novo acordo para a redução do sódio nos alimentos industrializados. A proposta inicial do Ministério da Saúde é que a diminuição no teor fique entre 15% a 50%, dependendo do tipo de alimento.
.
O acordo só ocorre depois de o governo ter pressionado o setor. Na semana passada, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) divulgou um levantamento mostrando que diversos produtos industrializados continham teor muito elevado de sódio, cujo consumo pode levar à hipertensão.
.
Fonte: Folha Uol
Veja mais...

Gordura do porco se concentra na pele

Saiba mais sobre a maionese

Fast food torna as pessoas mais impacientes

.
Partilhar

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

'CARALLUMA FIMBRIATA' EMAGRECE?

Atualmente todo assunto relacionado à estética tem sido muito valorizado e não é diferente quando falamos de emagrecimento. Dentre os chás, folhas, métodos, medicamentos que prometem objetivos de emagrecimento encontramos a caralluma fimbriata.
.
A pedido de alguns seguidores e até mesmo por sentirmos dúvidas sobre esse fitoterápico na população vamos esclarecer sobre o tema. Antes vamos entender um processo chamado produção de gordura corporal. Nesse processo existe um conversor de gordura do que ingerimos chamado Acetil Coenzima A, mas para que tudo isso aconteça é necessário a presença de uma enzima a Citrato Liase quando essa enzima é impedida de atuar, a gordura da dieta não é armazenada.
.
A caralluma fimbriata é uma erva medicinal que se origina na Índia considerada um cactus suculento. Então vamos a resposta da nossa pergunta: - ESSA ERVA EMAGRECE?
.
A Caralluma fimbriata possui glicosídeos que interrompem a ação da enzima Citrato liase. Esse mecanismo bloqueia a produção de gordura. Adicionalmente, há também, o bloqueio de outras enzimas que também impedem a formação de gordura pelo organismo, obrigando-o a queimar as reservas existentes. Além disso, a erva age suprimindo o apetite.
.
Certos glicosídeos da Caralluma inibem o mecanismo sensorial da fome no hipotálamo. Mensagens neuronais de que o estômago encontra-se cheio são enviadas, “enganando o hipotálamo”; mesmo quando o paciente ainda não se alimentou. Estudos em andamento tentam comprovar o efeito de Caralluma na inibição da maturação dos pré-adipócitos em adipócitos, será um outro grande avanço.
.
Por isso claro aliada a outras substâncias, fitoterápicos, alimentação balanceada e atividade física essa erva pode auxiliar na redução de peso. O importante é nunca se esquecer que para um estilo de vida saudável não é necessário ser dependente de medicamentos ou de algum coadjuvante, e sim optar por atos e práticas que geram a mudança para melhor no estilo de vida, quando necessário uso de algum produto para esse auxilio sempre acompanhado de um profissional.
.
Fonte: Dicas de Nutrição
Veja mais...
Alimentos termogênicos e suas características
Chás verde, branco e amarelo
Você anda estressado?
.
Partilhar

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

FINALISTA TOP BLOG!

O Alimentarium está entre os 3 finalistas do Top Blog 2010!
A classificação foi através do Júri Acadêmico pela categoria saúde/profissional. Avaliaram os quesitos conteúdo, apresentação, interatividade, criatividade e atualização.
.
http://www.topblog.com.br/2010/index.php?pg=Top3Academico
.
Agradeço as visitas e participações que fazem o blog crescer constantemente! Dia 18/12 será divulgado os vencedores do Top Blog 2010.
Vamos torcer!!!
.Partilhar

terça-feira, 30 de novembro de 2010

10 ERROS NA EDUCAÇÃO ALIMENTAR DAS CRIANÇAS

Por causa de mudanças, para pior, nos hábitos alimentares, uma em cada três crianças brasileiras entre sete e 12 anos sofre com excesso de peso. Refeições à vontade, ricas em açúcares e gorduras, e várias horas ao dia passadas em frente à televisão ou ao computador estão na origem da epidemia de quilos extras que avança junto com a idade e atinge 41% dos adultos no país.
.
A culpa pelos maus hábitos começa em casa. Por isso, a Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso) listou 10 erros na educação alimentar das crianças e dá dicas principalmente para os pais superarem os problemas à mesa.
.
ERRO 1. Dizer sempre sim: a criança sem limites vai abusar das calorias e das guloseimas. É preciso destinar um dia por semana a situações em que é possível ser mais liberal.

ERRO 2. Lanches fora de hora: o ideal são seis refeições diárias. É importante evitar as beliscadas fora desses horários.

ERRO 3. Oferecer comida como recompensa: “Coma toda a sopa para ganhar a sobremesa”. Passa a idéia de que tomar sopa não é bom e que a sobremesa é que é o máximo.

ERRO 4. Ameaçar castigos para quem não cumpre o combinado: ” Se não comer a salada, não vai ganhar presente”. Isso somente vai aumentar o ódio que a criança sente das saladas.

ERRO 5. Brincadeiras na mesa: hora de comer é hora de seriedade. Evitar fazer aviãozinho. Muito mimo é sinônimo de muita manha.

ERRO 6. Ceder ao primeiro não gosto disso: a criança tem uma tendência a dizer que não gosta de uma comida que ainda não provou. Cada um pode comer o que quiser, mas pelo menos, experimentar não custa nada.

ERRO 7. Substituir refeições: “Não quer arroz e feijão, então toma uma mamadeira”. Esse erro é muito comum, e se a criança conseguir uma vez, vai repetir essa estratégia sempre.

ERRO 8. Tornar a ida a uma lanchonete um programão: a comida de casa fica meio sem graça.

ERRO 9. Servir sempre a mesma comida: A criança só toma iogurte, então passa o dia todo tomando iogurte. Vai enjoar, vai faltar nutrientes, vai faltar fibras.

ERRO 10. Dar o exemplo: Não adianta mandar tomar sucos e os pais somente beberem refrigerantes.
.
Fonte: Temperus Gastronômico
Veja mais...
13 mandamentos para uma família mais saudável à mesa
Refeições longe da telinha
Falta de apetite das crianças: o que fazer?
.
Partilhar

domingo, 28 de novembro de 2010

ALIMENTAÇÃO PARA CONCURSEIROS E VESTIBULANDOS

Já passou pela sua cabeça que a alimentação pode interferir no seu resultado em concursos, provas e vestibulares? Pois as mais novas pesquisas mostram que sim.
.
A alimentação adequada aumenta a memória, melhora a capacidade cardiorrespiratória, a oxigenação cerebral e a circulação sanguínea na mente. Por outro lado, a dieta desbalanceada pode deixar a pessoa cansada, sonolenta, irritada, fatores estes que prejudicam o desempenhos nas provas.
.
Além de seguir os conceitos da nutrição saudável que propõe o aumento do uso de frutas, vegetais, água, cereais integrais, leite e derivados desnatados, a moderação para o consumo de carnes, açúcares e gorduras e a inclusão de alimentos funcionais (azeite, aveia, oleaginosas), a dieta dos concurseiros e vestibulandos precisa ser especial. Alguns alimentos são capazes de melhorar a memória e manter o cérebro mais ativo.
.
VALE COLOCAR ESTES ALIMENTOS NO PRATO:
.
º Frutas como kiwi, morango, maçã, pêssego, uva: fontes da fisetina, substância que auxilia o funcionamento cerebral contribuindo para a memória;

º Frutas vermelhas: fontes dos flavonóides, substâncias que protegem os neurônios e são capazes de reverter déficit de memória;

º Peixes: além de serem fonte de ômega 3, contêm zinco e selênio, nutrientes fundamentais para evitar o cansaço e estimular o cérebro. Além disto, alguns peixes, especialmente o atum, o bacalhau e o arenque, fornecem creatina, nutriente conhecido dos que fazem a musculação, mas que também tem um papel fundamental para os vestibulandos. A creatina, também encontrada em carne bovina, suína e, em menor quantidade, no leite, pode melhorar o desempenho dos estudantes;

º Ovos: fonte de colina, nutriente também encontrado na lecitina de soja e no fígado fundamental para a memória;
.
Além da inclusão destes alimentos, vale o cuidado para não ficar muitas horas sem se alimentar por causa dos estudos ou comer em excesso devido à ansiedade. Importante também é evitar o uso das bebidas estimulantes para virar a noite com os livros na mesa. Energéticos, café, coca-cola, podem piorar a gastrite nervosa, comum em vestibulandos e concurseiros.
.
Fonte: Temperus Gastronômico
Veja mais...
Parando de fumar: dicas para não engordar
O bom funcionamento do fígado também interfere no emagrecimento
Alimentos que ajudam seu corpo e sua mente descansar

.Partilhar

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

TRATAMENTO CORTA 'HORMÔNIO DA FOME' E EVITA GANHO DE PESO

Pesquisadores da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore (Maryland), nos Estados Unidos, comprovaram com sucesso um tratamento que bloqueia o chamado "hormônio da fome" e que, além de controlar o peso, pode ter outros benefícios para o metabolismo, segundo estudo publicado na edição desta semana da revista Science.
.
A equipe de pesquisadores criou um composto que inibe a ação da grelina, um hormônio natural associado ao ganho de peso e à sensação de fome. Outros estudos já tinham demonstrado que esse hormônio é produzido pelo estômago e liberado na corrente sanguínea após períodos de jejum, e seus níveis diminuem logo após a ingestão de comida. Além disso, os cientistas determinaram que os níveis de grelina são mais altos nas pessoas magras do que sofrem de obesidade.
.
Brad Barnett e sua equipe do Departamento de Farmacologia e Ciências Moleculares também sabiam que esse hormônio só funciona na presença de uma enzima chamada aciltransferasa-O-grelina (GOAT, pela sigla em inglês). O grupo criou, então, um composto que inibe a GOAT, o GO-CoA-Tat, e o injetou em ratos que eram alimentados com alto conteúdo de gordura.
.
O composto melhorou a tolerância à glicose e retardou o aumento de peso nas cobaias, sem reduzir a quantidade de comida ingerida. De acordo com os pesquisadores, o resultado indica que o composto afeta o metabolismo, em vez de diminuir o apetite. Os ratos continuaram a comer a mesma quantidade de comida, mas o corpo passou a gastar mais energia, evitando o ganho de peso.
.
Sem aplicação como remédio — O artigo informa que o tratamento requer repetidas injeções de GO-CoA-Tat, ou seja, é pouco provável que seja desenvolvido como um medicamento contra obesidade. Mas o resultado é potencialmente valioso para o desenvolvimento de esforços futuros para um tratamento contra a obesidade.
.
"O aumento contínuo da proporção de indivíduos com excesso de peso na sociedade ocidental ao longo das últimas três décadas se vinculou a um aumento substancial da morbidade, e isto é um grave problema de saúde pública", informa o artigo. Para enfrentar este problema "estão em andamento intensos esforços para esclarecer as interações de nutrientes e hormônios que contribuem para o aumento de peso."
.
Fonte: Revista Veja
Veja mais...

Nova técnica reduz obesidade sem cirurgia
Cirurgia bariátrica é indicada para obesidade mórbida e moderada
Obesidade é a segunda maior causa de câncer

.Partilhar

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

SUCO DE TOMATE PODE PREVENIR OSTEOPOROSE

Dois copos de suco de tomate por dia mantêm a osteoporose longe, concluíram cientistas canadenses. O diferencial da bebida é o licopeno, já considerado eficiente na prevenção de outras doenças, como o câncer de próstata e problemas cardíacos.
.
A descoberta foi resultado de uma pesquisa da Universidade de Toronto, no Canadá. Os cientistas pediram a 60 mulheres na menopausa, entre 50 e 60 anos, que cortassem todo o tomate de suas dietas por um mês. O novo hábito alimentar aumentou em todas elas os níveis de um químico que é normalmente liberado pelo corpo quando ossos são quebrados, o N-telopeptídeo.
.
A etapa seguinte do estudo durou quatro meses. Durante esse tempo, algumas dessas mulheres tomaram duas doses diárias de suco de tomate contendo 15 mg de licopeno, outras, uma versão com 35mg, um terceiro grupo, cápsulas da substância e as últimas receberam pílulas de efeito placebo.
.
Resultado: as que ingeriram qualquer das substâncias com licopeno tiveram seus níveis de N-telopeptídeo consideravelmente reduzidos. Mas o benefício não foi estendido àquelas que tomavam as pílulas de farinha. E os pesquisadores ainda garantem que o suco de tomate encontrado em supermercados ajuda tanto no fortalecimento de ossos frágeis quanto o usado no estudo.
.
Fonte: Revista Veja
Veja mais...

Suco de beterraba aumenta a resistência física
Cadê a fruta?
Prevenir a osteoporose é o melhor remédio
.
Partilhar

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

CAFÉ EM SACHÊ E CAFÉ EM CÁPSULA

Estamos diante de um mundo de avanços, onde a tecnologia faz cada vez mais parte do dia-a-dia. Isto também acontece quando o assunto é o preparo de uma xícara de expresso de uma forma cada vez mais prática e refinada. As modernas máquinas para uso doméstico tem acompanhando bem evolução do mercado brasileiro. Por essa razão, é conveniente explicarmos as diferenças entre café em sache e café em cápsula.
.
No café em sache, cada unidade possui aproximadamente 7 gramas de grãos moídos e acondicionados. Trata-se do padrão E.S.E (Easy Serving Espresso) europeu , comum em todas as máquinas destes modelos. Esse sistema garante um produto mais acessível, porém de excelente qualidade. Tais vantagens encorajam até muitos consumidores a trocarem suas máquinas.
.
Já no sistema em cápsula, há uma variação entre cinco a oito gramas e o conteúdo é acondicionado em um recipiente de plástico ou alumínio. Neste caso, não há um padrão e cada torrefador pode criar suas próprias medidas. Isso limita as opções do consumidor, que fica "a mercê" de um único produto.
.
Além disso, em países da Europa, está próxima a proibição deste sistema, por não ser reciclável. O café em sache não polui. Cada unidade possui apenas 2 gramas de papel, que em 6 meses estará reintegrado ao ambiente. Os profissionais e apreciadores de um bom café, não há por que resistir à modernidade.
.
Fonte: Temperus Gastronômico
Veja mais...
Benefícios do café para a saúde da mulher
Café, chocolate e açúcar: porque estes alimentos podem viciar?
Cafeína ajuda a estabilizar o humor
.
Partilhar

sábado, 20 de novembro de 2010

FAÇA UM CHURRASCO LIGHT

Quem quer controlar o peso ou precisa ficar atento a níveis de colesterol não precisa fugir dos churrascos. De acordo com a nutricionista Marilize Tamanini é possível, sim, preparar uma refeição mais magra e balanceada sobre o carvão em brasa. Veja as dicas:
.
Uma boa dica é fazer espetinhos mistos ou individuais com abobrinha (baixíssimo valor calórico), berinjela (boa para o colesterol), tomate (rico em licopeno e quando aquecido libera mais essa substância protetora de câncer) e cebola (ótima para a circulação e sistema imunológico) para assar na churrasqueira.
.
Uma receita barata e saudável e assar sardinha na churrasqueira, peixe barato e riquíssimo em ômega 3, você tempera o peixe com sal e limão, coloca no papel alumínio cobre com rodelas de tomate, cebola e demais vegetais de sua preferência, quando o peixe estiver quase pronto abre o papel alumínio e rega com azeite de oliva (não deve ser colocado no início da preparação pois perde suas propriedades antioxidantes pela saturação da gordura pelo calor). Além da sardinha, salmão e tainha são ótimas opções.
.
O tradicional abacaxi é uma boa pedida para ser assado na churrasqueira, mas não precisa ser adicionado de açúcar, coloque apenas depois de assado a mistura de cacau e canela em pó polvilhados por cima da fruta, substitui muito bem qualquer sobremesa calórica e ainda ajuda a desintoxicar devido as propriedades da fruta do abacaxi, a canela é termogênica (ajuda na queima de gordura) e o cacau é antioxidante. Outras frutas como banana, manga, maçã e pêra também podem ser assadas.
.
Um grande perigo dos churrascos é o pão de alho, a grande parte vendida nos açougues e mercados tem elevadíssimas quantidades de gorduras trans e/ou saturadas, portanto se aprecia tal iguaria invista no preparo caseiro fazendo uma pasta com 1 colher de sopa de maionese, 8 dentes de alho picados, 2 colheres de sopa de queijo minas cremoso, sal e oregáno essa mistura dá para 8 pães franceses.
.
A carne mais ao ponto tem sua digestão facilitada e deixar demais a carne na grelha faz com que a acroleína substância tóxica seja liberada em maior quantidade. Na escolha do que assar, prefira carnes como o mignon (121 Kcal para 100 gramas), a picanha (156 Kcal), a maminha (158 Kcal) e a alcatra (200 Kcal), retirando a gordura depois de assadas. Fora do prato ficam o cupim (250 Kcal), a costela (Kcal 380) e a linguiça (280 Kcal). Substitua coxas e asas de frango (ambas podem ter mais de 150 Kcal) por peito (100 Kcal).
.
Um churrasco saudável sempre pede uma salada de folha verde como escarola, agrião, rúcula ou mesmo brotos todos altamente desintoxicantes.
.
Fonte: Revista Bem com Você
Veja mais...
O mapa do boi
Alecrim ajuda a reduzir toxinas em carne grelhada
Carne de avestruz, você já experimentou?

.
Partilhar

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

AGÊNCIA ATUALIZA LIMITES DE ADITIVOS EM ALIMENTOS

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou duas resoluções (RDC 45 e RDC 46/2010) atualizando as regras para uso dos aditivos em alimentos industrializados. A medida harmoniza os regulamentos técnicos no âmbito do Mercosul, eliminando obstáculos gerados por diferenças nas regulamentações vigentes.
.
A RDC 45/2010 traz a nova relação dos aditivos para uso segundo as Boas Práticas de Fabricação (BPF). Um aditivo é considerado BPF quando possui Ingestão Diária Aceitável (IDA) e seu uso é restrito à quantidade necessária para obter o efeito tecnológico necessário. Já as substâncias como alumínio e goma konjac, excluídos da lista BPF, tiveram novos limites estabelecidos na RDC 46/2010.
.
O uso máximo do alumínio foi reduzido de 7 para 1 mg/kg de peso corpóreo. Os estabelecimentos terão o prazo de 180 dias para fazer as adequações necessárias ao Regulamento Técnico. Os novos estabelecimentos e aqueles que pretendam reiniciar suas atividades já devem atender na íntegra às exigências da legislação.
.
O QUE SÃO ADITIVOS?
.
Aditivo alimentar é todo e qualquer ingrediente adicionado intencionalmente aos alimentos sem propósito de nutrir e com o objetivo de modificar as características físicas, químicas, biológicas ou sensoriais, durante a fabricação, processamento, preparação, tratamento, embalagem, acondicionamento, armazenagem, transporte ou manipulação de um alimento. A lista de aditivos alimentares está sujeita à atualização de acordo com o avanço dos conhecimentos técnicos e científicos.
.
Fonte: CFN
Veja mais...

Alergia ao leite de vaca
Intolerância à frutose
Má conservação de alimentos podem causar intoxicação
.
Partilhar

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

OS BENEFÍCIOS DA FARINHA DE FEIJÃO BRANCO


O feijão branco é muito procurado por quem deseja perder peso ou enfrentar uma dieta restritiva, devido às suas propriedades. Sua farinha favorece o emagrecimento e a redução dos níveis de açúcar no sangue, sendo importante também no controle da diabetes.
.
Os benefícios da farinha de feijão branco estão relacionados à quantidade de fibras que ele carrega. Além de colaborarem com o funcionamento do intestino, elas dão a sensação de saciedade, fazendo com que você coma menos e auxiliando no emagrecimento.
.
Todos os tipos de feijões são fonte de fibras, podendo, inclusive, ser melhor que a soja. Mas é preciso ter moderação com a farinha do feijão branco. Afinal, o feijão cru tem toxinas que em grandes quantidades podem ser prejudiciais à saúde, causando diarreias e gases.
.
Fonte: Blog Entre na Linea
Veja mais...

Feijão branco para emagrecer
Feijão azuki
Deixe o seu feijão mais nutritivo

.Partilhar

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

KIWI: MAIS QUE SABOR, SAÚDE!

Excelente fonte de fibras, vitamina C e vitamina E, o kiwi é uma fruta de pouca gordura e nenhum colesterol. Tem capacidade antioxidante, reduzindo a ação dos radicais livres. Além de efeitos anticancerígenos e anti-inflamatórios.
.
Age no combate às rugas, ajuda a diminuir os níveis de colesterol, além de aumentar as defesas do organismo, prevenindo gripes e resfriados. Para quem pratica atividade física, essa fruta é ótima para ajudar nas microlesões dos tecidos. É uma das poucas frutas de coloração verde quando madura, sendo a clorofila responsável pela sua cor.
.
A clorofilina, derivada da clorofila, é um inibidor natural da Aflatoxina, substância conhecida por favorecer o aparecimento de cânceres. Entre as frutas, o kiwi é o mais completo: Possui mais nutrientes por calorias do que todas as frutas normalmente consumidas e é rico em pectina, fibra que ajuda o funcionamento do intestino e promove saciedade.
.
É rico em cálcio, magnésio, ferro e especialmente potássio, contribuindo para equilibrar a hipertensão arterial. E mais: 1 Kiwi tem apenas 40 calorias. Aproveite!
.
Fonte: Emex Nutrição Orientada
Veja também...
Mamão
Açaí mal lavado, mesmo congelado, pode transmitir chagas
Muito prazer, lichia
.
Partilhar